/

Apneia no Surf

Blog

apneia-images-surf-true-you-brasil1-1170x700

Apneia no Surf

A capacidade de suspensão voluntária ou involuntária da ventilação, ou a interrupção da comunicação do ar atmosférico com as vias aéreas inferiores e pulmões se define como APNEIA. Para ficar mais fácil de entender: é uma técnica de mergulho usada para permanecer por muito tempo debaixo da água, apenas com a respiração do pulmão. Muito útil para lidar com situações adversas no mar, o que faz parte do universo de todos atletas do surf, kitesurf, stand up e esportes náuticos como um todo.

Há diversos treinos e técnicas para melhorar a capacidade pulmonar e a capacidade de recuperação, mais nada como o bom e velho mar para se treinar. Como nem todos disponhem de tempo para poder ir ao mar todos os dias nem tão pouco de uma piscina para realizar alguns treinos, vamos colocar aqui um treino para se realizar em forma de caminhada e que se levado à risca e com comprometimento, pode oferecer ótimos resultados aos seus praticantes. TREINO DE APNEIA COM DINÂMICA À SECO

Esse treinamento consiste em realizar séries de exercícios de mínima, media e grande recuperação, as três fases da apneia são:

Fase 1: Neutra

Fase 2: Hipercápnica

Fase 3: Hipóxica ou hipócapnica

O treinamento é realizado em forma de caminhadas, os passos devem ser enérgicos e constantes sempre procurando não perder o ritmo à medida que chegamos ao final dos exercícios, não se deve parar nunca, nem durante a apneia, nem durante a respiração. As series de treinamento devem ser realizadas entre 4 e 5 horas após alguma refeição.

EXERCICIO INTRODUTÓRIO

Esse exercício é proposto para se dar inicio ao treinamento, aqui a apneia não é importante, a ideia é que você se acostume a uma correta ventilação sendo ela diafragmática, toráxica e subclavicular. Realizar esse exercício durante pelo menos quatro dias na semana seria o ideal.

20 REPETIÇÕES: 40 Segundos em apnéia + 20 segundos de respiração = 20 vezes x 1 minuto.

Pode se elevar o grau de dificuldade aumentando o tempo de apnéia e diminuindo o tempo de respiração sempre na duração de 1 minuto para cada série, chegando ao máximo de series de 55 segundos de apnéia para 5 segundos de respiração. Este exercício trabalha de forma a diminuir o tempo de recuperação em cada apnéia (mergulho).

APNÉIA HIPERC

Compartilhe:

Categorias